Páginas deste Blog

quarta-feira, 31 de março de 2010

BDSM e autoestima.


Como anda a sua autoestima? Psicologicamente você demonstra confiança no seu modo de ser e de agir, estando dessa forma plenamente satisfeito consigo mesmo?

Uma relação D/s é proativa por natureza. As condições que a constroem são capazes de dar-lhe uma vida própria absolutamente cheia de extremos, e vivenciar sentimentos e desejos nestas condições requer muito equilíbrio emocional e autoestima elevada. Para uma submissa é como andar numa corda bamba em meio a uma tempestade; o DOM é a tempestade!

Independentemente da parte do chicote que se encontram as partes (top ou down), uma autoestima elevada e muito amor-próprio são condições sine que non para:

• Que o DOM tenha plena consciência da intensidade que deve colocar na tempestade. A corda deve balançar, gradativamente mais e mais, porém, sem nunca promover mais força do que a submissa é capaz de absorver; e
• Que a submissa consiga vivenciar os extremos, absorvendo cada um deles como forma de crescimento, tornando-se cada vez mais fortalecida e equilibrada para continuar caminhando sem cair.

Um DOM sem autoestima elevada e amor-próprio poderá misturar insatisfações da vida pessoal em sua relação D/s, descontando na submissa suas frustrações, ou, pior ainda, perdendo o controle da relação, já que nestas condições não consegue nem controlar sua própria vida pessoal.

No caso das submissas, a falta de autoestima e amor-próprio é fator de impedimento para o vivenciar prazeroso da submissão. A cadela é pelas mãos do Dono subjulgada, humilhada, usada, amarrada, etc., porém ao contrário do que pensam os hipócritas, as verdadeiras cadelas tem uma elevadíssima autoestima e sabem que, por exemplo, quando estão sendo humilhadas pelos seus DONOS, por eles também estão sendo amadas dentro do contexto D/s.

Não se desconta no BDSM as frustrações pessoais;
Não se usa o BDSM como fuga de relações mal resolvidas;
Não se pratica o BDSM para provar uma masculinidade ou feminilidade.

Viver o BDSM é para quem se ama, se gosta e se respeita, pois somente assim poderá externar estes mesmos sentimentos ao seu parceiro(a).

3 comentários:

¥ nyssa ¥...ÅS disse...

No Formspring listei as qualidades essenciais de um Top e coloquei auto-estima (que fique claro que não estamos falanode de egolatria). Acho fundamental, para Tops e bottoms tb, por motivos diferentes, mas indispensável dos dois lados.
Sds

Lord Bondage disse...

Claro que não estamos falando de ego nyssa, mas sim de equilíbrio.
Beijos respeitosos

¥ nyssa ¥...ÅS disse...

Lord Bondage,
Eu pensei que não seria demais sublinhar a diferença...rs
Além de seu escrito aqui e minha resposta no Formspring, eu quase não vejo ninguém mais falar dessa qualidade em um Top, então eu quis me fazer entender.
Como fala-se muito dë "egos inflados", não quis deixar nenhuma margenzinha de dúvida...rs
Parabéns por seu blog, os escritos e as imagens aqui são excelentes. Gostei muito!