Páginas deste Blog

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Lágrimas de Prazer


Levas o que tem de mais belo dentro de ti
Ágata, diamante, esmeralda; pedras em eterna lapidação
Grilhões prendem-te à tua dor
Rasgam tua carne e teus desejos
Insanos, impuros e intensos
Mas todos legítimos
Abastados de prazer
Sinônimos de beleza e ternura.


Dominada pelas tuas necessidades
Encontra no teu algoz a rima do teu presságio.


Prazer primitivo e animal
Rudeza e crueza atemporais
Avidez lascívia
Zelo e cuidado selvagens
Epopéia de outrora
Resigna-se hoje em lágrimas da aurora.

 
 
 
(Lord Bondage)

5 comentários:

ღPat.ღ disse...

Acróstico Inspirador Senhor Lord Bondage!

Um fim de semana especial para ti!

Meu melhor cumprimento,
pat.

Kamille Wolf disse...

Bom dia, Sr. Lord Bondage. Sempre me delicío ao ler o que escreve. Parabéns. Adoro seu espaço.

Beijos respeitosos.

esKrava K do SENHOR CRUEL

Navegantes do Prazer disse...

Bom sentí-lo inspirado!!

Saudações em SM meu amigo,

ઇ‍ઉ MαsкєĐ ઇ‍ઉ disse...

Que essas lágrimas escorram
No mais intenso prazer do sentir.

Uma noite gostosa pra vc Lord.

Hope disse...

Mestre...
O cuidado na escolha das palavras... o zelo ao trazer à tona sentimentos ao mesmo tempo doces, singelos... e cruamente sensuais é que fazem do senhor um verdadeiro Mestre!
Rendo-me a seus pés!
Hope